dicas de harmonização

#PostdeSegunda: Dicas de harmonização

Continuando o tema da semana passada (se não viu clique aqui), hoje vamos dar algumas dicas de harmonização. A idéia é informar aqui algumas das combinações clássicas que podem ser feitas, porém como já falamos antes esta experiência de harmonização é primordialmente subjetiva, logo faça também suas próprias combinações e misturas! Não irei aqui detalhar as características de cada combinação, já que queremos que cada um de vocês faça esta degustação e tire suas próprias conclusões se o par se harmoniza por similaridade, corte ou contraste.

Caso esteja planejando uma noite de degustação de cervejas e queijos (ao invés do tradicional queijo & vinho), a dica básica é que queijos leves pedem cervejas leves e assim sucessivamente. Sugerimos começar com cervejas leves como as Witbiers ou Pilsners, terminando com as mais encorpadas como Porter ou Stout.

Queijos

queijos

 

 

 

 

 

Minas: Pilsner, American Ale, American Lite Lager

Gouda: Bock, Pale Ale, Strong Ale

Gruyere: Bock, Weisenbock, Porter

Parmesão: IPA, Bock, Brown Ale, Belgian Strong Ale, Tripel

Carnes

meat

 

 

 

 

 

Carneiro: Dubbel, Strong Scotch Ale

Lombo de porco: Amber Lager, Dark Lager, Bière de Garde

Carne de boi assada: ESB, American Pale Ale, IPA

Frango assado: Ligth Lager, Pilsner, Dunkel, Marzen

Bacalhau: Pale Ale, Pilsner, Strong Ale

Salmão: Saison, Witbier, American Ale

Camarão: Helles, Pilsner, Witbier

Sobremesas

desserts

 

 

 

 

 

 

 

Frutas ou tortas de frutas: Fruit Lambic, Fruit beer

Torta de chocolate / Chocolate: Porter, Stout, Strong Ale

Pudim: Strong Ale, Fruit Lambic

 

Referências

 

Abraços e até a próxima!

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado